Escola Capitão Cláudio é referência em Porto Velho

 
 
No dia 05 de Abril de 1989, a comunidade dos bairros Cidade do Lobo, Cidade Nova e adjacências comemoravam com entusiasmo a inauguração da entidade de ensino que ficaria marcado para sempre na vida de muitos estudantes e moradores. Começou pequeno e ao longo dos anos foi crescendo, e se desenvolvendo cada vez mais. “É com uma grande satisfação fazer parte da história de vida desta escola, hoje passamos por uma das melhores fases”, diz o diretor João Jorge. Hoje, a Escolas Estadual Capitão Cláudio completa 24 anos de existência, desenvolvendo um belo trabalho de educar as crianças e jovens dos bairros da zona sul portovelhense.

Com seu dinamismo de educar, a integração entre comunidade e escola, os projetos sociais arrojados, os destaques esportivos, as melhorias em sua estrutura, a participação maciça dos educandos em ações voluntárias, a busca incansável por novos meios de aprendizagem, a valorização do corpo pedagógico e funcional, entre outros, fazem com que a Escola Capitão Cláudio Manoel da Costa seja umas das referências em Porto Velho.


A escola atualmente conta com 18 salas de aulas em funcionamento nos três turnos, tendo ensino fundamental e médio, também faz parte do quadro estrutural: laboratório de informática, biblioteca com internet, sala de leitura, laboratório de ciências, auditório, refeitório, sala de reforço, TV Escola, sala de planejamento, sala da rádio escolar, sala de esportes e quadra esportiva coberta.
 
Projetos que valorizam os alunos

 
Durante todo o ano letivo vários projetos são realizados na escola com o intuito de integrar e desenvolver o intelecto dos estudantes. Atualmente os projetos que mais se destacam são: Semana da Família, Jogos Internos, Programa Mais Educação, Programa Ensino Médio Inovador e ainda neste mês será implantado o Projeto Escola Aberta. “Nossos alunos gostam de se interagir nos projetos que realizamos, pois neles veem uma forma de aprendizagem e divertimento”, diz Angélica Maria, coordenadora de projetos.

Muitos outros projetos são executados no Capitão Cláudio: Semana da Cidadania, Formação Continuada, Reforço de Matemática, Semana Pedagógica, Tabuada no Fundamental, Escola Solidária, Hora Cívica, Prêmio Gestão, Incentivo a Leitura, Festa Junina, entre outros. E dependendo da necessidade mais projetos são criados e postos em prática.
 
Convívio comunidade e escola
 
Preocupados em envolver a comunidade no convívio escolar, a Escola Capitão Cláudio realiza vários eventos e projetos, onde os moradores podem participar ativamente. “Nossa escola está de portas abertas para os anseios dos pais ou responsáveis dos alunos e da comunidade dos bairros que circundam o Capitão Cláudio”, diz Jorge.

Entre um dos projetos que mais se destaca está a Semana da Família, realizado desde o ano 2000. “Hoje o projeto que é o nosso carro-chefe é a Semana da Família, onde tratamos sobre vários temas como violência, drogas, convívio familiar, e procuramos envolver bastante a comunidade trazendo responsabilidade para todos”, revela Jorge.

Além de preparar comemorações festivas, a escola realiza periodicamente reuniões com os pais dos alunos, para assim divulgarem o desempenho e os meios cabíveis a educação do corpo discente.
 
Antes e Depois: Processo de Transformação
 
Durante esses anos, muitas modificações foram realizadas na escola, melhorando a estrutura e se adequado a realidade de ensino. “Estudei entre 1994 a 2000, nesse tempo a escola tinha diversos problemas, fazendo alguns alunos se desmotivarem em estudar, entretanto agora está bem melhor com várias opções de ensino aprendizagem”, diz José de Holanda, amigo da escola.

João Jorge lembra das dificuldades na época em que assumiu a escola, revela que faltava material em todas as repartições da entidade de ensino, que iam de salas sem carteiras, espaço físico inadequado para atividades físicas, falta de professores e até de produtos de limpeza e escritório, além disso ainda tinham o vandalismo que insistia em reinar dentro do Capitão Cláudio, contudo que ao passar do tempo foram resolvidos.

De 1998 para a nossa realidade, a Escola Capitão Cláudio passou por três fases: choque de gestão, implantação do ensino Médio e ampliação do espaço físico. No choque de gestão ocorrido há 15 anos, com a entrada da atual diretoria, a escola se viu necessitando de uma nova forma de administração, nesse tempo as coisas não eram fáceis.

Em 2001 foi implantado o ensino Médio durante o turno da noite, e em 2003 pelo turno da tarde, fazendo com que muitos alunos concluísse seus estudos na própria escola. Nesse tempo foi inaugurado a quadra esportiva coberta. De 2005 até este corrente ano foi realizado a ampliação da escola, entre alguns se destacam: laboratório de ciências, nova biblioteca, sala de leitura, auditório, sala de planejamento, sala de reforço, entre outros.

“Me recordo que no tempo do programa Bronca Livre nossa escola estava presente nas reportagens devido aos problemas existentes. De uns tempos para cá, o Capitão Cláudio melhorou bastante, sabemos que esse processo de melhorias é lento, porém aqui foi razoavelmente rápido e deixando muitos professores, funcionários, comunidade e em especial os alunos contentes”, revela Jorge.
 
Texto: Assessoria Seduc
Fotos: Arquivo Seduc